SANTA CRUZ

Presidente do Santa Cruz critica árbitro da partida contra o Botafogo-PB "aprender a apitar"


O árbitro da partida expulsou três membros do Santa Cruz em menos de dez minutos

Publicado em 13/03/2020 às 11:34
Alexandre Gondim/JC Imagem
FOTO: Alexandre Gondim/JC Imagem
Leitura:

Apesar da vitória por 3x0 do Santa Cruz contra o Botafogo-PB pela sétima rodada da Copa do Nordeste e dos dois gols do meia-atacante Jeremias, outro fator chamou a bastante a atenção, mas de forma negativa. Em entrevista à Rádio Jornal, o presidente da equipe Tricolor, Constantino Júnior, criticou a arbitragem de Léo Simão Holanda na partida desta quinta-feira (13).

Ouça a entrevista na íntegra:

“Se é que a gente pode chamar aquilo de arbitragem. Um Soprador de apito. Não tem a mínima qualificação para a importância da partida. O nível de arbitragem dessa Copa do Nordeste está muito fraca, não foi só nesse jogo, mas nesse foi demais. Espero que esse árbitro seja punido para aprender a apitar”, criticou Tininho.

Em um espaço de dez minutos, Léo Simão Holanda expulsou de forma bastante questionável o meia Didira, o preparador de goleiro Renato Nogueira Pontes e o técnico Itamar Schulle, todos do Santa Cruz.

O presidente Coral revelou que está reunindo os lances para apresentar os erros do árbitro para a Liga do Nordeste e que prefere acreditar que a atuação de Léo Simão Holanda não foi de má fé

“O Santa Cruz está perto da classificação. O Santa foi bastante prejudicado em sua casa. Selecionamos os lances de ontem para representar contra ele. Conflitos de interesses, não quero falar sobre isso, mas por Ceará está no nosso grupo e está brigando pela classificação diretamente com a gente”, completou Constantino Júnior.

Próximo jogo

O Santa Cruz volta a campo contra o Decisão, no estádio do Arruda, neste domingo às 16h, pelo Campeonato Pernambucano. A Rádio Jornal transmite a partida a partir das 14.


Mais Lidas