Sport não fica satisfeito com explicação do Flamengo sobre transação de Renê

Agora o rubro-negro pernambucano estuda o próximo passo

SPORT
Sport não fica satisfeito com explicação do Flamengo sobre transação de Renê

Sport vendeu 50% dos direitos econômicos de Renê (E) ao clube carioca em 2017. - Foto: Staff CR Flamengo

Davi Saboya | Pedro Alves

O Flamengo respondeu a notificação extrajudicial do Sport solicitando esclarecimento sobre o valor divulgado no último balanço financeiro do clube carioca em torno da compra do lateral-esquerdo Renê. Mas a explicação não agradou o Leão. De acordo com o vice-presidente jurídico Manoel Veloso, ainda não ficou claro quanto foi pago pela equipe do Rio de Janeiro. Assim, o time pernambucano ainda está estudando a próxima medida que vai tomar.

“O Flamengo respondeu a notificação, mas não ficamos satisfeitos, pois não foi respondido o que perguntamos, ou seja, não foi dito quanto foi pago a cada parte (Sport e MP) nem quando. Vamos avaliar agora o próximo passo”, afirmou o dirigente rubro-negro.

Recentemente, no balanço financeiro referente ao ano de 2019, o Flamengo publicou que pagou ao “Sport Club do Recife/MP Eventos” o valor de R$ 5,6 milhões na compra de Renê. No entanto, em 2017, o lateral-esquerdo foi negociado pelo valor de R$ 3,9 milhões por 50% dos direitos econômicos. Quantia essa declarada pelos clubes na época.

RENÊ

O contrato de Renê com o Flamengo iria até o mês de dezembro. Mas foi recentemente estendido até o fim de 2022. O lateral está na quarta temporada seguida pelo time carioca. Em 2018, ganhou o título de melhor jogador da posição da Série A do Campeonato Brasileiro. Atualmente, ele é o reserva imediato do titular Filipe Luís.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.