CAMPEONATO PERNAMBUCANO

Diretor da FPF afirma que pode flexibilizar data de retorno do Pernambucano


O Estadual ainda não tem data de retorno, mas Murilo Falcão mostrou preocupação com a saúde e condições físcias dos atletas

Publicado em 11/06/2020 às 12:16
Bobby Fabisak/JC Imagem
FOTO: Bobby Fabisak/JC Imagem
Leitura:

Os clubes de Pernambuco estão autorizados a voltarem com as atividades a partir de segunda-feira (15). No entanto, ainda não tem uma data definida para o retorno e a ideia inicial da Federação Pernambucana de Futebol (FPF) era reiniciar o Campeonato Pernambucano no dia 28 de junho, mas, devido a cobrança dos clubes, essa data foi postergada para o começo de julho. Em entrevista para a Rádio Jornal, o diretor de competições da FPF, Murilo Falcão, afirmou que ainda pode haver uma flexibilização desta data caso os clubes não estejam preparados para o retorno.

“O ideal é nós esperarmos a semana do retorno para que os clubes avaliem seus profissionais e se for necessário de mais uma semana, 10 dias de preparação, a FPF não vai ser intransigente e colocar em risco com a saúde e o preparo dos atletas. Estamos aberto para diálogo e tentando junto aos clubes para encontrar a data reiniciar o campeonato possivelmente no mês de junho”, afirmou.

OUÇA A ENTREVISTA NA ÍNTEGRA:

A FPF adquiriu 300 testes para os clubes do covid-19 para ser dividido entre as dez equipes da Série A1 do Pernambucano - totalizando 30 testes por clube. A entidade firmou parcerias com dois laboratórios para adquirir os testes, que custariam cerca de R$ 200, mas segundo Murilo Falcão foi pago menos da metade.

“Um teste desse, que custa R$ 200, nós fizemos um convênio de menos da metade. A FPF está dando para as dez equipes os 30 testes. Nós fizemos um convênio com dois laboratórios para exercer os três tipos de testes que são os mais recomendados. É um este igg e igm em um teste só e a confiabilidade dele é de 99.8%, nos outros testes sempre deixavam uma margem de confiança muito grande. Esse teste tem a confiança de quase 100% de se tá imune e se não teve ainda o vírus”, detalhou.

Interior

Equipes do interior também serão beneficiadas com os testes, mas alguns desses clubes liberaram atletas, como são os casos do Petrolina, Decisão e Vitória. Analisando o cenário, a Confederação Brasileira de Futebol e a FPF isentaram os clubes do pagamento de registros dos atletas.

“Os clubes não terão custo para por parte da federação e nem por parte da CBF para registrar novos atletas. Vejo que os clubes vão começar a se movimentar para retornar na próxima semana”, finalizou.


Mais Lidas