CONFUSÃO

Em final do Brasileiro sub-17, atacante do Fluminense é agredido covardemente por jogador do Athletico-PR


Time carioca sagrou-se campeão nacional da categoria ao vencer a equipe paranaense por 2x1, na Arena da Baixada

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 21/12/2020 às 18:32
Reprodução da internet
FOTO: Reprodução da internet
Leitura:

O Fluminense é campeão Brasileiro sub-17. A equipe do Tricolor das Laranjeiras bateu o Athletico-PR por 2x1, em plena Arena da Baixada (já havia vencido a primeira partida, no Rio de Janeiro, pelo mesmo placar), e levantou o troféu de campeão. Os gols foram marcados por Matheus Martins e Kayky, para os cariocas, enquanto que Renan descontou para os paranaenses.

Cenas da confusão:

 

Porém, nos minutos finais da partida, o gramado se tornou literalmente num campo de batalha. Confusão generalizada, pancadaria e cenas lamentáveis. Algumas, por sinal, de extrema covardia, quando João Gabriel, atleta do Athletico-PR e que estava no banco de reservas, sai correndo em meio a confusão e acerta uma voadora com as travas da chuteira no rosto do atacante João Neto, do Fluminense, que mesmo caído no chão, seguiu sendo agredido.

Como ficou o rosto de João Neto:


Mais Lidas