Sport

Eleições: ex-diretor e candidato à presidência do Sport diz que clube ‘não se preocupou com o que rege o estatuto’


Nelo Campos concedeu entrevista ao comentarista Maciel Júnior, da Rádio Jornal

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 22/12/2020 às 18:35
Divulgação/Sport Club do Recife
FOTO: Divulgação/Sport Club do Recife
Leitura:

O ex-dirigente e candidato à presidência do Sport, Nelo Campos, em entrevista a Rádio Jornal na noite da última segunda-feira (21), no programa Fórum Esportivo, falou sobre as eleições no clube. Além de se manifestar contrário ao adiamento do pleito, Nelo Campos destacou que o clube “não se preocupou com o que rege o estatuto”.

Considerando o impacto da pandemia causada pelo novo coronavírus, o ex-dirigente afirmou ainda que as eleições poderiam ter sido realizadas com adoção das medidas sanitárias. “Infelizmente rasgaram o estatuto do Sport, rasgaram a constituição rubro-negra. Foi uma virada de mesa dos anos 80, 90... Coisa que não se vê mais no futebol. A área do Sport é gigante e dava para colocar as urnas nos ginásios. Ficava uma pessoa contando e só entraria até 300. Entrou, votou, saiu. A eleição começando às 8h da manhã e indo até 18h, daria tempo de todo mundo votar. Eu sugeri numa reunião de a votação ser no estilo drive-in. Tinha possibilidades à vontade para fazer (a eleição), não foi feita não por causa disso”.

Ouça a entrevista na íntegra:


Mais Lidas