SÉRIE A

Lateral ressalta situação delicada do Sport e mira jogo com Goiás como uma final


Júnior Tavares quer o time rubro-negro encarando o duelo com a equipe esmeraldina como uma decisão

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 23/12/2020 às 17:57
Alexandre Gondim / JC Imagem
FOTO: Alexandre Gondim / JC Imagem
Leitura:

Depois de encarar o Grêmio, que briga na parte de cima da tabela do Brasileirão, o Sport volta a enfrentar uma equipe que disputa a mesma "competição" que os rubro-negros, o Goiás, que também luta contra o rebaixamento. Apesar de ser apontado como virtual rebaixado (está na lanterna da Série A, com apenas 20 pontos, em 26 jogos disputados), os goianos ainda sonham em se livrar do descenso. Nas últimas cinco partidas, só perderam uma - venceram duas e empataram outras duas.

Por isso, para evitar qualquer tipo de reação de um possível concorrente direto na luta para se livrar do rebaixamento, os jogadores leoninos sabem que precisam encarar esse duelo com seriedade em busca dos três pontos. “Para nós, todos jogos são finais. Estamos numa situação que não é agradável para ninguém. Temos de encartar todos os jogos como uma final, como estamos fazendo. Depois do jogo com o Goiás, os jogos restantes daqui pra frente também serão como uma final para nós. Temos de encarar assim, como uma final, até o término do campeonato", frisou o lateral-esquerdo Júnior Tavares.

À DISPOSIÇÃO

Para este confronto diante do Goiás, o técnico Jair Ventura deve ter à disposição algumas opções vindas do departamento médico: o lateral-esquerdo Sander (dores no tornozelo), Hernane Brocador (desconforto na coxa) estão treinando com o restante do elenco e podem ser relacionados para o jogo em Goiânia. Já Gomez (com dores no calcanhar) ainda é dúvida.


Mais Lidas