SÉRIE B

Na despedida da temporada 2020, Náutico fica no empate com o CSA

Equipe timbu empatou em 1x1 com o time alagoano, nos Aflitos, pela Série B

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 29/01/2021 às 23:31
Alexandre Gondim/ JC Imagem
FOTO: Alexandre Gondim/ JC Imagem
Leitura:

Na despedida da temporada 2020, o Náutico ficou no empate em 1x1 com o CSA, nesta sexta-feira (29), no estádio dos Aflitos, pela 38ª rodada da Série B. Os gols da partida foram marcados por Erick, para os alvirrubros, enquanto que Pedro Lucas descontou para a equipe alagoana. Com resultado, o Timbu terminou a Segundona na 16ª posição, com 44 pontos.

O técnico Hélio dos Anjos vai dar dez dias de recesso para o elenco alvirrubro antes do início da preparação para a estreia no Campeonato Pernambucano, no final do mês de fevereiro.

O JOGO

Precisando da vitória para subir de divisão, o CSA começou a partida pressionando o Náutico buscando sair na frente logo nos primeiros minutos. Aos quatro, Yago já foi arriscando da entrada da área, para Anderson fazer a sua primeira defesa no jogo. A insistência do time alagoano era intensa. Aos nove, Paulo Sérgio buscou jogo com Gabriel, rolando para o meia arriscar com forte e, mais uma vez, obrigando o goleiro alvirrubro a fazer grande intervenção.

Depois de suportar a pressão inicial do CSA, aos poucos, o Timbu ia conseguindo equilibrar a partida e criando suas oportunidades de gol. Aos 28, o volante Rhaldney recebeu passe em condições de finalização e arriscou um arremate de média distância para a defesa segura de Matheus Mendes.

Dez minutos depois, o Náutico foi fatal. Djavan acertou um longo lançamento para Erick na direita. Ele dominou, foi pra cima e driblou Diego Renan; entrou na área e finalizou com categoria, no canto direito de Matheus Mendes, que nada pode fazer: 1x0.

A reposta do time alagoano foi imediata e, por pouco, não conseguiu o empate. Aos 40, o lateral-direito Norberto recebe na frente da área, corta para dentro e arrisca um chute colocado, mas a bola perdeu um pouco de direção e passou à direita da meta de Anderson.

Na volta da etapa complementar, o CSA entrou disposto a reverter o placar em desvantagem. E, com isso, o técnico Mozart fez várias modificações no time alvi-azulino, que surtiram efeito. Aos 13, Nadson lança em profundidade para Pedro Lucas, que dispara por trás de Ronaldo Alves, dribla Anderson dentro da área e finaliza com tranquilidade para empatar: 1x1.

Mesmo sofrendo o gol, o Náutico não se abateu. No minuto seguinte, Erick recebe passe de Kieza e finaliza no cantinho, mas a bola saiu pela linha de fundo. Aos 26 foi a vez de Jean Carlos entrar com liberdade na zaga do CSA, ficar de frente com Matheus Mendes... Mas, na opção por driblar o goleiro alagoano, acabou desperdiçado a chance de desempatar.

O Timbu ainda teve uma grande chance desperdiçada aos 48 minutos, quando Juninho Carpina acabou mandando a bola para fora após bate rebate na área. O placar se manteve em igualdade.

Ficha do jogo

NÁUTICO

Anderson; Hereda, Ronaldo Alves, Camutanga e Kevyn; Rhaldney (Jhonnatan), Djavan (Matheus Trindade) e Jean Carlos (Juninho Carpina); Bryan (Dadá Belmonte), Erick (Jorge Henrique) e Kieza. Técnico: Hélio dos Anjos.

CSA

Matheus Mendes; Norberto, Cleberson, Rodolfo Filemon (Rodrigo Andrade) e Diego Renan (Rafinha); Geovane e Yago; Nadson (Marquinhos), Andrigo (Pedro Júnior) e Gabriel; Paulo Sérgio (Pedro Lucas). Técnico: Mozart.

Local: estádio dos Aflitos, no Recife (PE).
Árbitro: Wagner Nascimento Magalhães (RJ)
Assistentes: Carlos Henrique Alves de Lima Filho e Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (ambos do RJ)
Gols: Erick, aos 38 minutos do 1º tempo. Pedro Lucas, aos 13, do 2º tempo.
Cartões amarelos: Erick (NAU) e Diego Renan, Matheus Mendes, Gabriel, Rodrigo Andrade (CSA).

Mais Lidas