COPA DO NORDESTE

Santa Cruz perde para o CSA e acumula quarta derrota na Copa do Nordeste


Tricolor foi derrotado por 2x1, no Arruda, e ocupa a lanterna do Grupo A do Nordestão

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 20/03/2021 às 20:09
Alexandre Gondim/ JC Imagem
FOTO: Alexandre Gondim/ JC Imagem
Leitura:

Uma campanha lamentável. O Santa Cruz segue a sua saga na Copa do Nordeste e ainda não venceu no regional. Desta vez, o Tricolor acabou sendo derrotado por 2x1 para o CSA, neste sábado (20), no estádio do Arruda, pela 4ª rodada do Nordestão. Essa foi a quarta derrota coral na competição. Dellatorre marcou os dois gols dos alagoanos e Chiquinho descontou para o Santa, de pênalti.

Com a derrota, o Santa Cruz segue na lanterna do Grupo A, sem somar nenhum ponto. A Cobra Coral volta a campo na próxima terça-feira (23), quando encara o Fortaleza, às 21h30, na Arena Castelão, pela 5ª rodada do Nordestão.

O JOGO

Apesar de precisar desesperadamente da vitória, o Santa Cruz não começou a partida diante do CSA de forma incisiva. Pelo contrário, acabou sendo surpreendido logo nos minutos iniciais do confronto. Aos quatro, Iury Castilho conduz bola pela esquerda e levanta bola na área e o centroavante Dellatorre sobe para cabecear e mandar para o fundo das redes: 1x0.

 

A Cobra Coral tentou dar uma resposta aos 12 com Alan Cardoso... O lateral-esquerdo fez boa jogada na diagonal da área, chapelou o adversário e, mesmo quase da linha de fundo, acertou uma bomba em direção do gol, colocando o goleiro Thiago Rodrigues para trabalhar e espalmar para longe.

Com o placar atrás, o Tricolor começou a criar mais. Aos 17, Augusto Potiguar é lançado, entra na área e chuta rasteiro, mas Thiago Rodrigues estava bem posicionado e fez defesa segura.

A equipe alagoana encaixou três boas descidas ao ataque. Aos 20, Rodrigo Pimpão levantou bola na área, o zagueiro Célio Santos afastou de forma parcial e, na sobra, Dellatorre finalizou no meio e o arqueiro Jordan defendeu firme. Aos 22, foi a vez de Silvinho individualizar pela esquerda e testar o goleiro coral com um arremate a média distância, mas Jordan estava atendo e mandou para escanteio. Na sequência, o meia Gabriel cobra o esquinado mandando a bola na primeira trave, Fabrício desvia e Iury Castilho mesmo dentro da pequena área, pega muito em baixo e manda a bola por cima da meta do Santa Cruz.

O time coral errava bastante na saída de bola e, com isso, o CSA aproveitava para pressionar mais em busca do segundo gol. Aos 34, o volante Caetano saiu errado, Iury Castilho aproveita a bobeada e cruza rasteiro, a zaga do Santa afasta mal e Rodrigo Pimpão finaliza, Jordan espalma e Dellatorre não aproveita o rebote.

Os donos da casa só voltaram a incomodar o CSA aos 38, quando o atacante Madson fez boa jogada, se livrou da marcação e, na diagonal direita, chutou rasteiro e obrigou o goleiro Thiago Rodrigues a espalmar para escanteio.

No retorno da etapa complementar, o CSA seguia mostrando a sua superioridade e aproveitou para ampliar o placar logo nos primeiros minutos. Aos sete, Dellatorre tabelou com Rodrigo Pimpão dentro da área e acertou um chute no ângulo, sem a menor chance para o goleiro Jordan: 2x0.

 

Dois minutos depois de balançar as redes, por pouco os alagoanos não ampliavam o marcador. Rodrigo Pimpão desceu em velocidade pela direita e cruzou buscando Iury Castilho, mas Jordan se antecipou e tirou a bola do pé do atacante do CSA, evitando que o Santa Cruz sofresse mais um gol.

Mostrando bastante desorganização, o Santa Cruz não apresentava nenhum esboço de produtividade ofensiva. O setor de criação não conseguia municiar o ataque e, com isso, o goleiro Thiago Rodrigues ficava como um mero espectador em campo e não era exigido pelos jogadores tricolores.

A única boa chance criada pela Cobra Coral foi aos 40 minutos, quando o garoto Arian foi derrubado dentro da área pelo goleiro Thiago Rodrigues: pênalti. Chiquinho foi para a cobrança e descontou para o Santa Cruz: 2x1.

 

Apesar do gol, o Santa não conseguiu o empate e acabou sendo derrotado novamente na Copa do Nordeste.

Ficha do jogo

SANTA CRUZ

Jordan; Augusto Potiguar, Willian Alves, Célio Santos e Alan Cardoso; Caetano (Italo Henrique), Karl (João Cardoso) e Chiquinho; Madson (Arian), Pipico (Felipe Almeida) e Léo Gaúcho (Marcel). Técnico: João Brigatti.

CSA

Thiago Rodrigues; Norberto (Cristovam), Lucão, Fabrício e Victor Costa; Geovane, Gabriel (Italo) e Silvinho (Marco Túlio); Rodrigo Pimpão (Silas), Dellatorre (Bruno Mota) e Iury Castilho. Técnico: Mozart.

Local: estádio do Arruda, no Recife (PE).
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (PB)
Assistentes: Oberto da Silva Santos e Kildenn Tadeu Morais de Lucena (ambos da PB).
Gols: Dellatorre, aos quatro do 1º tempo, e aos sete do 2º tempo. Chiquinho, aos 41 do 2º tempo.
Cartões amarelos: William Alves (STA) e Gabriel, Fabrício e Thiago Rodrigues (CSA).


Mais Lidas