PUNIÇÃO

Ex-presidente da Fifa, Joseph Blatter recebe novas punições devido a bônus


Além de multa de R$ 6 milhões, ele teve suspensão do esporte prolongada

Agência Brasil
Agência Brasil
Publicado em 24/03/2021 às 14:27
Reprodução/Internet
FOTO: Reprodução/Internet
Leitura:

O Comitê de Ética da Fifa suspendeu Joseph Blatter, ex-presidente da entidade, por seis anos e oito meses do esporte e um multa de 1 milhão de fracos suíços (equivalente a quase R$ 6 milhões). A suspensão atual de Blatter deveria terminar em outubro; porém, a mais recente, resultante de violações do código de ética - após inquérito sobre pagamentos de bônus -, entrará em vigor a partir deste ponto.

A investigação mais recente analisou pagamentos de bônus da Copa do Mundo feitos a Blatter e a vários ex-dirigentes da Fifa, inclusive o ex-secretário-geral Jérôme Valcke, o ex-vice-presidente Julio Grondona e o ex-diretor financeiro Markus Kattner.

O Comitê de Ética disse em um comunicado que Blatter violou o código de ética 'ao aceitar e receber bônus extraordinários no valor de 23 milhões de francos suíços, assinados, aprovados ou implantados pelos senhores Grondona, Valcke e Kattner, e por concomitantemente aprovar/oferecer bônus extraordinários no total de aproximadamente 46 milhões de francos suíços aos senhores Valcke, Grondona e Kattner'.

NEGATIVA

Os pagamentos foram relacionados principalmente à Copa de 2010 na África do Sul e à Copa de 2014 no Brasil. O trio nega qualquer irregularidade. "Este é um golpe doloroso e incompreensível", disse Blatter em comentários divulgados por seu porta-voz.


Mais Lidas