PREPARAÇÃO

Umberto Louzer vai promover mudanças no Sport para estreia no Brasileirão


Treinador será obrigado a modificar algumas peças no time titular para encarar o Internacional, no Beira Rio

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 26/05/2021 às 16:32
Anderson Stevens/ Sport
FOTO: Anderson Stevens/ Sport
Leitura:

Como se não bastasse a perda do título Pernambucano para o Náutico, o Sport não terá muito tempo para lamentar. Afinal, já tem uma pedreira pela frente na estreia da Série A. Os rubro-negros encaram na primeira rodada do Brasileirão o Internacional, no domingo (30), às 20h30, na Arena Beira Rio, em Porto Alegre.

Para piorar, o técnico Umberto Louzer não poderá contar com sua dupla de zaga titular: Adryelson está se transferindo para o Al Wasl, dos Emirados Árabes; enquanto que Maidana está no departamento médico tratando de dores musculares no músculo reto abdominal e vai ficar afastado por duas semanas.

Com isso, a tendência, é que a dupla de zaga rubro-negra seja composta por Rafael Thyere e Sabino. Este último, por sinal, caso se confirme a sua escalação, fará a sua estreia como titular - desde que chegou ao Sport, Sabino atuou apenas contra o Náutico, na primeira fase do Estadual, entrando no clássico apenas no segundo tempo da partida.

SETOR OFENSIVO

Lá na frente, Umberto Louzer não poderá contar com o atacante Everaldo por cerca de sete a dez dias (sofreu um trauma no joelho direito na final contra o Náutico e teve um estiramento do ligamento colateral medial). Por outro lado, terá à disposição para o setor André e Paulinho Moccelin, recém-contratados e ambos regularizados para encarar o Internacional.

 

Paulinho Moccelin, por sinal, trabalhou com Umberto Louzer na Chapecoense e falou da influência do treinador na hora de acertar sua vinda para o Sport. "Por tudo que vivemos na Chapecoense, Umberto foi um cara que me deu total liberdade para jogar. Então, poder vir para cá e aceitar essa proposta foi importante pra mim, pois o Sport é um clube grande e estou feliz de estar aqui", declarou o atacante, em sua apresentação oficial.

Apesar de conhecer o comandante leonino há algum tempo, Moccelin não acredita que isso o credenciará ao posto de titular do Sport. "Aqui tem vários grandes jogadores. Acredito que vai ser no dia a dia (escalação como titular), com muito trabalho. Espero que, quando eu tiver uma oportunidade, possa estar preparado", desejou.

O elenco rubro-negro treina no Recife até a sexta-feira (28) pela manhã e, após o almoço, embarca para Porto Alegre. O último treinamento antes do jogo contra o Internacional acontece no sábado (29) à tarde, no CT do Grêmio.


Mais Lidas