Desfalque na Copa América de 2019, Neymar quer título inédito pela seleção brasileira

Atacante não disputou a última Copa América por conta de uma lesão no ligamento do tornozelo

COPA AMÉRICA
Desfalque na Copa América de 2019, Neymar quer título inédito pela seleção brasileira

Neymar é a principal arma do técnico Tite na busca pelo título da Copa América - Foto: Lucas Figueiredo/ CBF

Do SBT, com redação - Como ficou de fora da Copa América de 2019 por conta de lesão no ligamento do tornozelo direito e não fez parte da conquista daquele ano, o atacante Neymar está bastante motivado para buscar o seu segundo título pela seleção brasileira principal - ele foi campeão da Copa das Confederações em 2013.

O atacante é o artilheiro da era Tite, com 20 gols marcados. Ainda é o segundo maior goleador da história da seleção, com 66 gols em 105 jogos, atrás apenas de Pelé, que balançou a rede 77 vezes em 92 partidas oficiais pelo Brasil.

Neymar chega embalado para a Copa América, já que marcou nos dois últimos jogos da seleção brasileira, contra Equador e Paraguai, válidos pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022. A equipe venceu ambos por 2x0.

POSICIONAMENTO

O técnico Tite, por sinal, utilizou o atacante do PSG de forma diferente nos jogos das Eliminatórias. Contra o Equador, Neymar atuou mais aberto pelo lado esquerdo. Já diante do Paraguai, o treinador da seleção brasileira escalou a equipe no 4-2-4, com Richarlison pela esquerda e Gabriel Jesus pela direita, enquanto Neymar tinha liberdade pelo meio ao lado de Roberto Firmino.

A estreia da seleção brasileira será neste domingo (13), contra a Venezuela, às 18h, no estádio Mané Garrincha, em Brasília. O Grupo B ainda conta com Colômbia, Equador e Peru.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.