SÉRIE C

Santa Cruz perde para o Ferroviário e segue sem vencer na Série C


Tricolor do Arruda foi derrotado por 1x0, na Arena Castelão, e permanece na zona do rebaixamento do Grupo A da Terceirona

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 14/06/2021 às 21:53
Rafael Melo/ Santa Cruz
FOTO: Rafael Melo/ Santa Cruz
Leitura:

A situação do Santa Cruz é cada vez mais delicada. Nesta segunda-feira (14), o Tricolor do Arruda acabou sendo derrotado para o Ferroviário por 1x0, na Arena Castelão, pela terceiro rodada da Série C. O único gol da partida foi marcado pelo zagueiro Vitão, no segundo tempo. Com o revés, o Santa segue sem vencer na competição e agora amarga duas derrotas e um empate, figurando na zona do rebaixamento do Grupo A (9º, um ponto).

A Cobra Coral volta a campo daqui a uma semana, quando encara a Jacuipense, segunda-feira (21), às 20h, no estádio do Arruda, pela 4ª rodada da Terceirona.

O JOGO

Ainda sem vencer na Série C e repleto de desfalques, o Santa Cruz já iniciou o confronto diante do Ferroviário apresentando muitas dificuldades, principalmente no setor de marcação. Já nos primeiros minutos, o time cearense apresentava facilidade para trocar passes no campo defensivo coral.

Logo aos 15 minutos, o volante Wesley Dias arrancou pelo meio de campo, tabelou com Gabriel Silva e recebeu na frente saindo cara-cara com o goleiro Jordan, que se agigantou ao sair do gol e fez grande defesa, salvando o Santa Cruz.

Com a liberdade encontrada para trabalhar ofensivamente, aos poucos, o Ferroviário ia alugando o campo defensivo do tricolor pernambucano. Aos 24, Gabriel Silva dominou na intermediária, avançou como quis e soltou uma bomba, mas pegou em baixo e a bola acabou subindo demais.

O Santa Cruz apenas assistia o Ferroviário jogar e não conseguia trabalhar com qualidade ofensivamente. Somente aos 36, que a Cobra Coral chegou com perigo. O lateral-direito Weriton desceu com liberdade e cruzou na medida para Lucas Batatinha, que se antecipou a Vitão e testou com força, no cantinho, mas a bola passou rente a trave esquerda do goleiro Rafael. Boa chance.

Na volta da etapa complementar, o goleiro Jordan operou um novo milagre com menos de um minutos. Após lançamento longo para o ataque, Everton Dias se atrapalhou no quique da bola e deixou Adilson Bahia partir em disparada e sair de frente com Jordan... Mesmo o atacante do Ferroviário batendo bem, no alto, o goleiro coral se esticou todo e espalmou para escanteio.

Porém, na batida do tiro esquinado, o próprio Jordan acabou saindo mal do gol, não conseguiu dar um soco na bola e o zagueiro Vitão só teve o trabalho de deixar a bola bater na sua cabeça e morrer nas redes: 1x0.

Atrás do placar, o Santa Cruz teria de se arriscar mais em busca do empate. Aos 13, em cobrança de falta ensaiada na entrada da área, Chiquinho rolou para Rondinelly chutar forte, mas a bola acabou subindo demais e não levou perigo para o goleiro Rafael.

O Ferroviário encontrava o caminho aberto pelo lado direito, em cima do zagueiro Júnior Sergipano, que estava atuando improvisado na lateral esquerda. Aos 19, Dudu entrou na área como quis e rolou para Berguinho finalizar rasteiro e parar no goleiro Jordan, que fez mais uma defesa importante.

A partida fica no estilo toma lá, dá cá. No minuto seguinte, após bola alçada na área por Rondinelly, o goleiro Rafael dá rebote, mas Everton Dias finaliza desequilibrado e desperdiça boa chance de empatar. Na sequência da jogada, em contra-ataque do Ferroviário, Berguinho acha Adilson Bahia dentro da área, aproveitando escorregão de Breno Calixto e, ao tentar a finalização de calcanhar, Jordan consegue mais uma vez intervir e evitar que o time cearense ampliasse o marcador.

O time coral tentava, mesmo que sem muita organização, buscar o empate. Aos 28, após cobrança de escanteio da esquerda, a bola foi até o outro lado... Na tentativa da zaga do Ferroviário afastar, a bola chegou até o atacante França que disparou uma bomba de muito longe, obrigando o goleiro Rafael a saltar e fazer uma bela defesa para evitar o empate pernambucano.

Lá atrás, a zaga do Santa seguia apresentando muitas deficiências. Aos 32, Thiago Aperibé, que tinha acabado de entrar, é lançado pelo alto... Ganha de Hebert e finaliza forte, no alto, com a bola passando perto do travessão de Jordan.

O placar foi mantido até o apito final e o Santa Cruz perdeu mais uma na Terceiro Divisão.

Ficha do jogo

FERROVIÁRIO

Rafael; Lázaro, Vitão, Richardson e Madson; Wesley Dias, Sousa Tibiri (Diego Viana), Dudu (Reinaldo) e Gabriel Silva (Luís Henrique); Wesley (Berguinho) e Adilson Bahia (Thiago Aperibé). Técnico: Francisco Diá.

SANTA CRUZ

Jordan; Weriton (Digão), Breno Calixto, Hebert, Júnior Sergipano; Caetano (Everton Dias), Rondinelly (França) e Chiquinho; Madson (Vitinho), Frank e Lucas Batatinha (Adriano Michael Jackson). Técnico (auxiliar): Roberto de Jesus.

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE).
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (AL)
Assistentes: Rondinelle dos Santos Tavares e Ruan Luiz de Barros Silva (ambos de AL).
Gols: Vitão, um minuto do 2º tempo.
Cartões amarelos: Wesley (FER) e Hebert, Vitinho, Everton Dias, França (STA).


Mais Lidas