ENTREVISTA

Rivaldo torce por final da Copa América entre Brasil x Argentina e diz que Neymar jogaria na seleção do Penta

O ex-meia-atacante pernambucano, eleito melhor jogador do mundo pela FIFA em 1999, participou do programa Arena SBT

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 01/07/2021 às 16:17
Lucas Figueiredo/ CBF
FOTO: Lucas Figueiredo/ CBF
Leitura:

A Copa América está na sua reta final. Nesta sexta-feira (2), serão realizadas as duas primeiras partidas das quartas de final da competição. Às 18h, Peru e Paraguai se enfrentam no estádio Olímpico, em Goiânia. Mais tarde, às 21h, o Brasil encara o Chile no estádio Nilton Santos (Engenhão), no Rio de Janeiro. Em entrevista ao programa Arena SBT, o ex-jogador Rivaldo reforçou sua torcida pela seleção brasileira e que espera uma final com a Argentina.

"Seria bom, pois seria um grande jogo (final com os argentinos). Uma final com Brasil e Argentina teria emoção e, claro, com o Brasil sendo campeão", apontou o ex-meia pernambucano Rivaldo.

Para o ex-atleta, de 49 anos, que conquistou a Copa América de 1999, a seleção brasileira tem de usar o torneio para se preparar bem para a disputa da Copa do Mundo, que acontece no próximo ano, no Catar.

"A gente sabe que a Copa América é importante, mas o Mundial é mais. Torço para conquistar essa Copa América, mas já visando o Mundial, pois acredito que ela é um bom treino para a Copa do Mundo. Então, os jogadores precisam se preparar bem porque o que para mesmo o Brasil é a Copa do Mundo. Por isso espero que a seleção consiga o título da Copa América, até pra dar confiança ao treinador e aos jogadores, mas o importante mesmo é ano que vem, no Catar, que o Brasil conquiste novamente (Copa do Mundo).

NEYMAR

Das raras oportunidades que concede entrevista, o tímido Rivaldo não deixa de externar a sua admiração pelo futebol de Neymar. "O jogador que admiro da seleção pela forma de jogar e pela personalidade é o Neymar. Queria mais dois ou três jogadores como ele na seleção, com personalidade pra jogar. Na minha época tinha eu, Ronaldo, Ronaldinho... Todos com personalidade e não dependia só de um jogador. Isso o Brasil necessita um pouco mais. Estou confiante (Copa do Mundo), mas acho que precisamos de um pouco mais para chegar na Copa do Mundo e passar por cima em 2022", declarou.

Questionado se o atual camisa 10 da seleção brasileira jogaria no grupo que conquistou a Copa do Mundo de 2002, Rivaldo avaliou positivamente. "Jogaria sim", disse Rivaldo, mas se esquivando de dizer no lugar de quem. "Aí não sei. Essa pergunta tem de ser feita para Felipão (treinador da época). Pelo talento impressionante que tem e pela admiração que tenho por ele, jogaria. Só espero que Felipão não fale que seria no meu lugar", brincou o ex-jogador pernambucano, que foi eleito o melhor do mundo pela FIFA na temporada de 1999.

Mais Lidas