SÉRIE A

Após sair na frente, Sport vacila, sofre empate do Atlético-GO e segue flertando com o Z-4


A equipe leonina empatou em 1x1 com o Dragão, no estádio Antônio Accioly, em Goiânia, pelo Brasileirão

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 07/07/2021 às 21:09
Anderson Stevens/ Sport
FOTO: Anderson Stevens/ Sport
Leitura:

Com uma postura equilibrada e controlando as ações adversárias, o Sport parecia que iria quebrar o jejum de vitórias no Brasileirão. Porém, não foi dessa vez (agora são seis jogos sem vencer). Apesar de ter saído na frente do placar, o Leão acabou bobeando na sequência, cedeu o empate e ficou no 1x1 com o Atlético-GO, nesta quarta-feira (7), no estádio Antônio Accioly, em Goiânia, pela décima rodada da Série A. Os gols da partida foram marcados pelo volante Marcão, para os pernambucanos, e Arthur Gomes para os goianos.

A equipe leonina agora soma sete pontos e volta a campo no próximo sábado (10), quando encara o Fluminense, às 19h, no estádio da Ilha do Retiro, pela 11ª rodada do Brasileirão.

O JOGO

Disposto a fazer gordura nesse início de Série A, o Atlético-GO entrou em campo querendo aproveitar o momento de baixa do Sport para tentar mais uma vitória na competição. Contudo, como não venciam há cinco jogos, os pernambucanos iniciaram o duelo de forma cautelosa, sem se expor e com suas linhas compactadas.

Dessa maneira, o Leão da Ilha conseguia se manter competitivo e dificultada as ações do Dragão. Por outro lado, sempre que podia, os comandados de Umberto Louzer tentava levar perigo nas bolas paradas. Aos 22, Zé Welison cobrou escanteio na cabeça de Sabino, que testou como manda, para o chão, a bola quicou e ainda desviou em Lucão, saindo em novo escanteio.

Na cobrança do novo tiro esquinado, novamente Zé Welison bateu buscando Sabino, que conseguiu desviar de cabeça, a zaga do Atlético-GO afastou parcialmente e, no rebote, Neilton chutou da entrada da área para a defesa de Fernando Miguel.

Como o Sport estava bastante fechado em seu campo defensivo, a alternativa encontrada pelos goianos foi o arremate de média distância. Aos 26, André Luís recebeu passe, aproveitou a brecha que encontrou e disparou um chute muito forte rasante, com a bola raspando a trave esquerda de Maílson.

Segundo Tempo

Na volta da etapa complementar, a estratégia rubro-negra seguia a mesma. Bem postado e forçando bastante nas bolas paradas. Logo aos dois, Zé Welison cobrou uma sequência de escanteios até que, em um deles, a bola desviou na zaga do Atlético-GO, foi na trave e no rebote Marcão empurrou pra rede: 0x1.

 

Mesmo com o gol, o time leonino bobeou e levou o empate logo em sequência. Aos cinco, Hayner estava acossado na direita por Arthur Gomes e recuou para Rafael Thyere, que ao invés de espanar pra frente, tentou dominar, se atrapalhou e perdeu a bola para o próprio Arthur Gomes, que de frente pra Maílson, finalizou com categoria no canto e empatou: 1x1.

Aproveitando a imposição aérea de Sabino, o Sport ia explorando as bolas alçadas na área. Aos 28, Thiago Neves cobrou escanteio e, mais uma vez, o zagueiro leonino subiu mais que os defensores do Atlético-GO e cabeceou com perigo, obrigando o goleiro Fernando Miguel a espalmar pra fora.

 

Nos minutos finais, aos 40, Natanael é lançado, consegue fazer o domínio e faz o arremate para o gol, mas Maílson faz a defesa com tranquilidade. Já nos acréscimos, aos 50, Júnior Tavares cruza buscando o grandalhão Mikael, que sobe e cabeceia, sendo que não consegue dar direção na bola, que sai pela linha de fundo.

Apesar das tentativas das duas equipes, a partida permaneceu empatada em 1x1.

Ficha do jogo

ATLÉTICO-GO

Fernando Miguel; Dudu, Éder, Oliveira e Natanael; Willian Maranhão, Marlon Freitas e Arthur Gomes; Gabriel Baralhas (Janderson), André Luís (Pablo Dyego), Lucão (Zé Roberto). Técnico: Eduardo Barroca.

SPORT

Mailson; Hayner (Ricardinho), Rafael Thyere, Sabino, Júnior Tavares; Marcão, Zé Welison e Thiago Neves (Thiago Lopes); Neilton (Tréllez), Everaldo (Maxwell) e André (Mikael). Técnico: Umberto Louzer.

Local: estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO).
Árbitro: Léo Simão Holanda (CE).
Assistentes: Nailton Júnior de Sousa e Cleberson do Nascimento Leite (ambos CE).
Gols: Marcão, aos dois; Arthur Gomes, aos cinco do 2º Tempo.
Cartões amarelos: Dudu, André Luís, Éder (ATG) e Zé Welison (SPO).


Mais Lidas