Após cirurgia para retirada de tumor, Pelé apresenta melhora e deixa UTI do hospital

O Rei do Futebol se recupera de uma cirurgia realizada no último dia 04 de setembro em São Paulo

TRATAMENTO
Após cirurgia para retirada de tumor, Pelé apresenta melhora e deixa UTI do hospital

Ex-jogador, de 78 anos, passou por procedimento para retirada de cálculo renal - Foto: Paulo Whitaker/Arquivo Reuters/Direitos reservados

O ex-jogador Pelé deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Albert Einstein, nesta terça-feira (14), após "apresentar boa condição clínica", de acordo com o boletim médico divulgado. No entanto, o Rei do Futebol ainda não recebeu alta médica e permanece em recuperação no quarto, para tratar da retirada de um tumor no intestino, que foi descoberto depois da realização de exames de rotina. A cirurgia foi feita no último dia 04 de setembro.

> Aos 80 anos, Pelé segue como maior referência no futebol mundial

''Meus amigos, esse é um recado para cada um de vocês. Não pensem, por um minuto sequer, que eu não li as milhares de mensagens de carinho que recebi por aqui. Muito obrigado a cada um de vocês por dedicarem um minuto do seu dia para me enviar boas energias. Amor, amor e amor! Eu já saí da UTI e estou no meu quarto. Continuo cada dia mais alegre, com muita disposição para jogar 90 minutos, mais a prorrogação. Estaremos juntos em breve!'', publicou Pelé nas redes sociais.

Recuperação

Aos 80 anos, Pelé tem usado as redes sociais para informar sobre o estado de saúde e com está indo a recuperação. Recentemente, ele procurou tranquilizar os fãs e afirmou que está bem. Na ocasião, Pelé desmentiu que tivesse desmaiado ou passado mal. “Pessoal, eu não desmaiei e estou muito bem de saúde. Fui fazer meus exames de rotina, que não havia conseguido fazer antes por causa da pandemia”, afirmou Pelé.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.