Salários, acordo e polêmica com Thiago Neves: Dirigente abre o jogo sobre bastidores do Sport

Nelo Campos, vice-presidente de futebol do Sport, falou sobre o que acontece no ambiente interno do clube

DECLARAçõES
Salários, acordo e polêmica com Thiago Neves: Dirigente abre o jogo sobre bastidores do Sport

Nelo Campos afirmou que não há problemas internos no Sport. - Foto: Divulgação/Sport Club do Recife

A situação do Sport dentro de campo não é boa. Com 17 pontos, o time está na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro da Série A. Se não bastasse isso, rumores de problemas nos bastidores surgem na internet e deixam os torcedores ainda mais preocupados. Em entrevista ao comentarista Maciel Júnior, durante o Fórum Esportivo desta terça-feira (14), o vice-presidente de futebol Nelo Campos abriu o jogo sobre o que acontece nos bastidores do Leão.

> "Não vamos nos pautar por redes sociais", diz Nelo Campos após polêmica envolvendo Thiago Neves

''O salário de julho foi pago 100%. Dentro da nossa previsão, dependíamos de algumas coisas. Então não divulgamos. O acordo que fizemos com os jogadores foi de 70% do mês de agosto, se a gente conseguisse pagar o mês de julho. Isso foi quitado na última sexta-feira (10 de setembro). Infelizmente, os resultados não estão acontecendo e estamos na zona de rebaixamento. É a posição que ninguém (do clube) quer. Por isso, há espaço para que as pessoas façam fofocas. O trabalho é sério e com transparência interna e externa'', afirmou Nelo Campos a Rádio Jornal.

Polêmica com Thiago Neves

Em relação à polêmica envolvendo o meia Thiago Neves, que rebateu as acusações de tumultuar o ambiente do Sport e revelou ter comprado equipamentos para o clube do próprio bolso e também frutas, Nelo Campos afirmou que houve uma conversa com o jogador e ele entendeu a situação. Além disso, afirmou que o caso ocorreu em uma gestão antiga, mas sem citar qual foi. O atleta está no Sport desde o período de Milton Bivar como presidente.

''Não vamos ser pautados por redes sociais. São mais de 40 pessoas trabalhando todos os dias sob a liderança de Leonardo Lopes (atual presidente executivo). Foi conversado e ele entendeu. Ele falou de uma coisa do passado (antiga gestão) e não é dos últimos 60 dias (nova gestão). Deixamos claro de não se defender acusando. Depois que você entrou na discussão o assunto repercutiu. Ele tem muito para ajudar o Sport e tirar o time da situação'', concluiu o dirigente rubro-negro em entrevista.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.