BRASILEIRÃO

Com um jogador a menos desde o primeiro tempo, Sport luta até o final, mas perde para o América-MG

Leão perdeu para o time mineiro por 3x2 e segue na zona do rebaixamento

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 10/11/2021 às 23:24
Bobby Fabisak/ JC Imagem
FOTO: Bobby Fabisak/ JC Imagem
Leitura:

O Sport lutou, mas não conseguiu evitar a derrota para o América-MG. Com um a menos desde o primeiro tempo (Gustavo foi expulso, aos 22 minutos), os rubro-negros ficaram atrás do placar por dois gols, buscou o empate na raça, sendo que no final da partida não conseguiu suportar a pressão dos mineiros e sofreram o terceiro, perdendo por 3x2, nesta quarta-feira (10), na Arena de Pernambuco, pela 31ª rodada do Brasileirão.

Alê, Ademir e Juninho Valoura marcaram para o América-MG, enquanto que Mikael e Zé Welison descontaram para o Sport. A equipe leonina segue no Z-4 e volta a campo no próximo domingo (14), quando enfrenta o Ceará, às 19h (de Brasília), Na Arena Castelão, pela 32ª rodada da Série A.

O JOGO

Mesmo atuando em casa e sendo empurrado pelos torcedores rubro-negros, o Sport viu o América-MG bem à vontade na Arena de Pernambuco e tomando a iniciativa do jogo. Logo aos sete, o atacante argentino Mauro Zárate conseguiu se desvencilhar da marcação pelo setor esquerdo de ataque e finalizou com perigo de fora da área, mandando a bola pra fora, mas assustando Maílson.

Não demoraria para a equipe mineira abrir o placar. Aos 16, em rápido contra-ataque puxado pelo América-MG, pela esquerda, Felipe Azevedo dominou com liberdade e cruzou na medida para Alê cabecear no cantinho, sem chances para o goleiro Maílson: 0x1.

Para piorar a situação do Sport, o meia Gustavo acabou sendo expulso, aos 22 minutos, após entrada dura, por cima, acertando as travas da chuteira na canela de Felipe Azevedo - o árbitro deu amarelo, mas o VAR chamou e a cor do cartão foi modificada.

Atrás do placar e com um a menos em campo, o time leonino tentava como podia incomodar o América-MG. Em sua maioria, através de bolas alçadas na área sem muito perigo para o goleiro Matheus Cavichioli.

Como o Sport estava se lançando ao ataque, com dez jogadores em campo, acabava, por vezes, deixando espaços para o América-MG explorar as contra-ofensivas. Foi o que aconteceu 41, quando Felipe Azevedo lançou Ademir, que se livrou da marcação de Sander e finalizou rasteiro, parando no goleiro Maílson que defendeu com o pé.

Na etapa complementar, o Leão voltou com tudo. E, logo no primeiro minuto de reinício de partida, Hernanes deu um lindo passe achando Mikael que se movimentou para receber e, prontamente, já emendou uma bomba de pé esquerdo... Matheus Cavichioli defendeu, a bola subiu e no rebote, Marcão cabeceou para nova defesa do goleiro do América-MG.

Quando parecia que o Sport se aproximaria do gol de empate, o balde de água fria. Aos seis, Hernanes cobrou falta alçando bola na área, mas mandou na mão de Matheus Cavichioli. O goleiro imediatamente lançou com o pé para Ademir partir em disparada, observar que Maílson estava fora da barra e, sem medo de errar, finalizou de forma certeira para o gol: 0x2.

O golpe sofrido não foi o suficiente para que os rubro-negros desistissem. Pelo contrário, a entrega em campo foi maior. Aos 20, Ewerthon desceu pela direita, observou a movimentação de Mikael e lançou rasteiro... O centroavante antecipou, ganhou no corpo para Ricardo Silva e finalizou na saída de Cavichioli: 1x2.

 

Com o apoio do torcedor leonino, o Sport partiu para o tudo ou nada. Aos 29, Everton Felipe sofreu falta frontal, perigosa. Zé Welison foi para a cobrança e disparou um torpedo, rasteiro, sem chances para o goleiro do América-MG: 2x2.

 

Quando parecia que os donos da casa iriam arrancar um ponto, mesmo com um jogador a menos desde o primeiro tempo, um banho de água fria nos rubro-negros. Aos 37, o lateral-direito Patric, ex-Sport, foi à linha de fundo e cruzou na medida para Juninho Valoura cabecear para o chão... Maílson estava na jogada, mas não conseguiu evitar o gol: 2x3.

Apesar de lutar até o final, o Sport não conseguiu o empate e perdeu mais uma no Brasileirão.

Ficha do jogo

SPORT

Mailson; Ewerthon (Tréllez), Rafael Thyere, Sabino, Sander; Marcão, Zé Welison e Hernanes (Betinho); Gustavo, Paulinho Moccelin (Everton Felipe) e Mikael. Técnico: Gustavo Florentín.

AMÉRICA-MG

Matheus Cavichioli; Patric, Eduardo Bauermann, Ricardo Silva (Anderson Jesus) e Marlon (João Paulo); Lucas Kal (Zé Ricardo), Alê (Juninho Valoura) e Juninho; Ademir, Felipe Azevedo (Rodolfo) e Zárate. Técnico: Marquinhos Santos.

Local: Arena de Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE).
Árbitro: Raphael Claus (FIFA/SP).
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Gustavo Rodrigues de Oliveira (ambos de SP).
Gols: Alê, aos 16, do 1º Tempo. Ademir, aos seis; Mikael, aos 20; Zé Welison, aos 30; e Juninho Valoura, aos 37, do 2º Tempo.
Cartões amarelos: Tréllez, Marcão (SPO) e Lucas Kal, Alê, Juninho Valoura (AME).
Cartão vermelho: Gustavo (SPO)

Mais Lidas