dinheiro

Venda do Bahia para o Manchester City será maior que a do Cruzeiro e do Botafogo; confira valor

Negócio deve ser fechado até a metade deste ano

Haim Ferreira
Haim Ferreira
Publicado em 25/04/2022 às 23:00
REPRODUÇÃO
O ataque ao ônibus do Bahia aconteceu próximo da Arena Fonte Nova - FOTO: REPRODUÇÃO
Leitura:

Os burburinhos envolvendo a venda do Bahia ao grupo que é dono do Manchester City ganharam um novo capítulo. Após viagem do presidente Guilherme Bellintani à Inglaterra, o valor da negociação foi revelado pelo renomado jornal inglês, Sports Illustrated.

Na conversa, foi colocado na mesa o valor que será pago para a compra da SAF do Bahia: 104 milhões de libras, equivalente a nada menos que R$ 647 milhões. A porcentagem da venda não foi divulgada.

O pagamento ocorreria em três etapas. A primeira parcela equivaleria a R$ 50 milhões, previstos para julho, quando a parceria deve ser firmada. Em seguida, mais R$ 150 milhões seriam investidos ao fim de 2022, em caso de acesso para a Série A. Os demais R$ 450 milhões seriam pagos igualmente em duas parcelas anuais, em 2023 e 2024.

Caso a negociação se confirme, a cifra vai superar as negociações de outros gigantes brasileiros, como Cruzeiro e Botafogo. Os mineiros e os cariocas venderam 90% das suas ações por R$ 400 milhões. Ronaldo Fenômeno foi o investidor na Raposa, e o empresário americano John Textor no clube da Estela Solitária.

O interesse dos ingleses é tanto, que os árabes já começaram a sondar o mercado brasileiro para a contratação de um novo CEO. O nome da vez é o de Rui Costa, diretor de futebol do São Paulo. Ele já trabalhou em clubes como Atlético-MG, Grêmio, Chapecoense e Athletico-PR.

Felipe Oliveira/EC BAHIA
O Bahia entrou em campo nesta sexta-feira (22). - FOTO:Felipe Oliveira/EC BAHIA

Mais Lidas