Mazola Júnior

"Nunca perdi para o Náutico", diz Mazola Júnior ao revelar mágoa por nunca ter sido lembrado em Pernambuco

Técnico Mazola Júnior enfrenta o Sport nesta terça-feira (26), pela Série B

Thiago Wagner
Thiago Wagner
Publicado em 26/04/2022 às 9:59
PAULO PINTO/ITUANO
Mazola Júnior é o atual comandante do Ituano - FOTO: PAULO PINTO/ITUANO
Leitura:

Entrevistado no programa Fórum Esportivo, da Rádio Jornal, o técnico Mazola Júnior revelou que não entende os motivos de nunca mais ter sido lembrado para treinar um time de Pernambuco. Segundo ele, não existe motivo para essa "falta de lembrança" já que seus resultados, de acordo com ele, são considerados bons.

"Coisa estranha. Vários profissionais fizeram menos do que eu e sempre estão voltando a Pernambuco. Nunca tive nem sondagem. Acho que devo ter feito muito mal a alguém aí", ironizou Mazola durante a entrevista ao repórter João Victor Amorim, nessa segunda-feira (25).

Mazola Júnior será adversário do Sport nesta terça-feira (26). Ele comanda o Ituano, que encara o Leão na Ilha do Retiro. 

Confira a entrevista de Mazola Júnior

Ao seu estilo, Mazola ainda valorizou o seu trabalho, destacando algumas vitórias contra times de Pernambuco. "Enfrentei o Náutico umas 15 vezes e nunca perdi. Sport vários treinador fizeram bem menos do que eu e tiveram segunda e terceira chance. Santa Cruz acho que a rivalidade impede um pouco o retorno. Mas essa é uma questão para os diretores daí", finalizou.

Mazola Júnior comandou o Sport entre 2011 e 2012. Seu principal feito foi o acesso com o Leão para a Série A, em 2011, com uma arrancada improvável na reta final da Série B. Tanto que foi nessa época que surgiu o apelido de Jason para o Sport.

Mais Lidas