search close
COPA DO BRASIL

Náutico vence a Ponte Preta, mas está eliminado da Copa do Brasil

Em jogo fraco, Náutico bate a Ponte Preta por 1 a 0, mas placar agregado dá a classificação ao clube paulista

Rádio Jornal
Náutico vence, mas não se classifica para as oitavas da Copa do Brasil
Náutico vence, mas não se classifica para as oitavas da Copa do Brasil
Diego Nigro / JC Imagem

Não deu para o Náutico.  O timbu que precisava reverter a derrota por 3 a 0 para Ponte Preta, sofrida no jogo de ida, não conseguiu a tão desejada classificação para as oitavas de finais da Copa do Brasil. Na partida da volta disputada na noite desta quarta-feira (18) na Arena de Pernambuco, a equipe mais uma vez mostrou as deficiências que tinha apresentado no primeiro jogo. Apático e pouco criativo, o time alvirrubro pouco assustou o alvinegro de Campinas.  Mesmo assim, o clube da Rosa e Silva venceu por 1 a 0 com gol de pênalti convertido por Júnior Timbó. Porém com o placar agregado de 3 x 1 para a Ponte, o Náutico dá adeus a Copa do Brasil.

Eliminado, cabe ao Timbu focar no principal objetivo do ano, o acesso a série B do campeonato Brasileiro. 

Primeiro tempo igual no placar

Na etapa inicial a Ponte Preta teve mais oportunidades e chegou mais vezes ao ataque, embora o Náutico tivesse maior posse de bola, mas dentro da proposta de jogo do time paulista, o jogo andou bem. Com o regulamento debaixo do braço por ter vencido a primeira partida por 3 a 0, a Macaca buscou sair mais na base do contra ataque. O timbu, como no jogo em Campinas (SP) foi ineficiente no setor ofensivo. A equipe pouco agrediu, não teve apoio dos laterais e mostrou deficiência no meio campo. Por algumas vezes, os atacantes do time Paulista ficaram no mano a mano com a dupla de zagueiros da equipe pernambucana.

Tecnicamente o Náutico fez um primeiro tempo fraco e a melhor chance da equipe, se resumiu a um chute de Wallace Pernambucano que cobrou uma falta com muito perigo e Ivan se esticou para evitar o gol.  Fora isso, A Ponte chegou assustando algumas vezes. O jogador mais acionado foi Felippe Saraiva. Em uma chance, ele recebeu de Igor, limpou e bateu no canto. A bola passou perto da trave. Aos 44 o atacante mais uma vez arriscou de fora da área e Bruno fez a defesa.

Em busca da classificação

Com 45 minutos restantes para reverter a situação, Roberto Fernandes sacou Kevyn e colocou Gabriel Araújo.  O timbu continuou com a mesma postura do inicio do jogo, com maior posse de bola, mas errando muito nas construções das jogadas. A bola pouco chegava aos atacantes.  O jogo caminhou do jeito que a Ponte Preta queria.  Assim como no primeiro tempo a equipe alvinegra não se expôs e permaneceu esperando o time alvirrubro atacar para poder sair no contra-ataque.

O gol

O jogo seguiu monótono até que aos 36 minutos, Nathan derrubou Luiz Henrique na área. O árbitro Alisson Sidnei Furtado assinalou pênalti para o Náutico. Júnior Timbó foi para a marca e converteu em gol, abrindo o placar na Arena. Após marcar o Timbu ainda teve outra chance de ampliar em cobrança de falta, mas Gabriel Araújo mandou longe da meta de Ivan.  Ainda no fim do jogo, em tentativa de um milagre o goleiro Bruno foi para área para tentar cabecear a bola em cobrança de escanteio, porém sem sucesso. O placar terminou mesmo 1 a 0 para a equipe pernambucana. 

Ouça o gol na voz de André Luiz Cabral:

O Náutico entra em campo no próximo sábado contra o Botafogo na Paraíba às 19h. A partida é válida pela segunda rodada da série C.

Ficha do jogo

Náutico: Bruno; Tiago Ennes, Camutanga, Camacho e Kevyn (Gabriel Araújo); Negretti,Wendel (Júnior Timbó) e Wallace Pernambucano; Robinho, Tharcysio e Rafael Assis (Luiz Henrique). Técnico: Roberto Fernandes.

Ponte Preta: Ivan; Igor Vinícius, Renan Fonseca, Reynaldo e Marciel; Nathan, Paulinho, Lucas Mineiro (Tiago Real), Felipe Saraiva (Júnior Santos) e Orinho; Felippe Cardoso (Tony). Técnico: Doriva.

Gol: Júnior Timbó 37/2ºT.

Público total: 1.347

Renda: R$ 7.230,00


COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.