play_circle_outline
Super Manhã / Passando a limpo

Geraldo Freire

access_time

03:20

Consultório do Rádio Livre

Anne Barretto

access_time

04:00

Nossa Saudade

Tony Araújo

play_circle_outline
Super Manhã / Passando a limpo

Geraldo Freire

access_time

03:20

Consultório do Rádio Livre

Anne Barretto

access_time

04:00

Nossa Saudade

Tony Araújo

search close
Série C

Náutico vence o Treze em Campina Grande e entra no G-4 da Série C

Na quarta rodada da Série C, o time alvirrubro conquistou a segunda vitória na competição. Ouça o gol na voz de Aroldo Costa

Fernando Castro
Com informações do JC Online
Matheus Carvalho marcou o único gol da partida, ainda no primeiro tempo.
Matheus Carvalho marcou o único gol da partida, ainda no primeiro tempo.
Léo Lemos/Clube Náutico Capibaribe

A caminhada do técnico Gilmar Dal Pozzo na Série C iniciou com vitória. Em jogo estratégico, o Náutico venceu o Treze por 1x0, neste sábado (18), no estádio Amigão, na Paraíba. Matheus Carvalho, surpresa na escalação, foi o autor do gol, marcado ainda no primeiro tempo. Com o resultado, o time alvirrubro subiu para a terceira colocação do Grupo A.

Ouça o gol na voz de Aroldo Costa

O jogo

Com menos de uma semana no comando do Náutico, a promessa de Gilmar Dal Pozzo era um time esperando mais o adversário, diferente do último jogo, contra o Campinense, quando os jogadores saíram desgastados depois de conseguir a classificação para a Copa do Nordeste 2020. Já com a bola rolando, o jogo começou aberto, com muito espaço ofensivo para as duas equipes.

Antes dos vinte minutos da primeira etapa, a estratégia do Náutico deu certo. O atacante Thiago fez boa jogada pela direita, tocou para Luiz Henrique, que cruzou na pequena área. O atacante Matheus Carvalho, que não era titular há quase quatro meses, completou para o gol, abrindo o placar para o Timbu.

Com o placar adverso, o time paraibano melhorou depois dos 30 minutos do primeiro tempo. Marcelinho Paraíba tentava comandar o meio de campo do Treze, mas os atacantes Gil e Eduardo desperdiçavam boas oportunidades de gol. Depois de abrir o placar, o Náutico passou a obedecer a estratégia traçada por Dal Pozzo e esperou mais o adversário, passando a jogar no contra-ataque.

No segundo tempo, com seis desfalques e o placar a seu favor, o Náutico jogava atrás da linha da bola, esperando um contra-ataque. Apesar de ter mais posse de bola, o Treze encontrava muita dificuldade para criar oportunidades de gols e esbarrava na boa marcação da defesa alvirrubra. Esse roteiro permaneceu até o final do jogo. O Náutico não conseguia encaixar um bom contra-ataque, mas o sistema defensivo seguia funcionando bem. Já o Treze, sempre rondava a área alvirrubra, mas sem efetividade. 

Ficha do jogo

Treze: Mauro Iguatu; Edy, Anderson Penna, Ítalo e Silva; Coppetti, Juninho e Marcelinho Paraíba (Júlio Pacato); Gil (Maxuell Samurai), Vinícius e Eduardo (Cesinha). Técnico: Flávio Araújo.

Náutico: Bruno; André Krobel, Camutanga, Suéliton e Josa; Jiménez, Luiz Henrique, Matheus Carvalho (Danilo Pires) e Thiago; Odilávio (Tarcísio Martins) e Wallace Pernambucano (Rafael Oliveira). Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

Local: Estádio Amigão, em Campina Grande (PB). Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP). Assistentes: Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP) e Evandro de Melo Lima (SP). Gol: Matheus Carvalho aos 19' do 1ºT. Cartões amarelos: Vinícius (Treze); Bruno, Suéliton, André Krobel e Danilo Pires (Náutico).


COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.