Venda de salgados preocupa comerciantes em Garanhuns


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 23/04/2012 às 8:30
Leitura:
Da Rádio Jornal Os comerciantes de Garanhuns, Agreste pernambucano, se reuniram neste domingo (22), na tentativa de convencer a população de que foi um caso isolado a venda de empadas recheadas com carne humana. A preocupação dos garanhuenses susgiu após a confissão de Isabel Cristina Pires, 51 anos, esposa de Jorge Negromonte, 50, confessar ter produzido empadas, que comercializava na cidade, com carne humana - de mulheres que esles, juntamente com a amante de Jorge, Bruna de Oliveira, matavam e esquartejavam em rutuais de magia negra. Cerca de 70% das vendas de salgados na cidade, principalmente empadas e coxinhas, caíram. Saiba mais no flash de Eduardo Peixoto, da Rádio Jornal Garanhuns.

Mais Lidas