Cremepe determina interdição ética do Samu em Petrolina


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 14/12/2012 às 10:25
Leitura:
Da Rádio Jornal O Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe) baixou uma resolução determinando a interdição ética do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de petrolina. A suspensão do Samu vem em devido à insuficiência de médicos plantonistas e reguladores no órgão, expondo os pacientes à risco de morte. É o que destaca a resolução do Cremepe, assinada pela presidente do Conselho, Helena Maria Carneiro Leão. O Conselho justifica que, atualmente não existe nenhuma condição do SAMU funcionar na cidade. Ouça detalhes sobre o caso. >> Ouça a Rádio Jornal Petrolina AO VIVO

Mais Lidas