Juiz de Caruaru se nega a reempossar vereadores envolvidos em escândalo de corrupção


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 29/01/2014 às 11:14
Leitura:
Da Rádio Jornal Caruaru Foto: Reprodução/ Internet Foto: Reprodução/ Internet O juiz da Vara da Fazendo Pública de Caruaru, José Fernando dos Santos Souza, ratificou que os dez parlamentares que foram presos na Operação Ponto Final da Polícia Civil permaneçam afastados dos cargos por 180 dias. Se a Câmara descumprir com a determinação terá que pagar uma multa de R$ 100 mil por dia, mesmo tendo sido essa determinação derrubada no último dia 21, pelo desembargador do TJPE Itamar Pereira da Silva Júnior. A câmara ainda não recebeu nenhuma notificação oficial do TJPE determinando que os vereadores retornem aos cargos. Por enquanto, permanece a decisão da Vara da Fazenda Pública de Caruaru. Em meio a essa polêmica, os vereadores que estão na ativa ingressaram com uma ação coletiva na Vara da Fazenda Pública de Caruaru, para pedir um reajuste salarial de 33%. Caso seja aprovado o aumento, os salários dos vereadores irá passar de R$ 9 mil para 12 mil reais. Saiba mais no flash de Michelle Veloso, da Rádio Jornal Caruaru:

Mais Lidas