Advogados de defesa de vereadores afirmam que houve manobra política


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 21/05/2014 às 10:42
Leitura:
Da Rádio Jornal Interceptações telefônicas sem autorização da Justiça e manobra entre Prefeitura e Polícia Civil foram as acusações feitas durante coletiva de imprensa em Caruaru, no Agreste, sobre a operação Ponto Final. O objetivo era divulgar áudios e vídeos anexados ao processo de cassação dos parlamentares. Apenas uma parte editada do material no entanto, chegou ao conhecimento da sociedade. Ouça os detalhes na reportagem de Núbia Silva, da Rádio Jornal Caruaru:

Mais Lidas