JUSTIÇA

Prisões de envolvidos em Chacina ainda repercute em Poção

Avó e pai da criança que sobreviveu ao crime são suspeitos de serem os mandantes. Prisão vale por 30 dias.

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 03/03/2015 às 9:57
Foto: Reprodução/TV Jornal


Ainda repercute na pequena cidade de Poção, Agreste pernambucano, a prisão de três envolvidos na chacina que chocou o município e vitimou três conselheiros tutelares e uma aposentada no início de fevereiro. Os suspeitos de serem os mandantes do crime são a avó e o pai da criança que sobreviveu à chacina. O terceiro suspeito não teve o nome revelado. As prisões valem por 30 dias, até a conclusão do inquérito.

Ouça mais informações na voz de Jaciara Fernandes, da Rádio Jornal Caruaru: