BRAÇOS CRUZADOS

Vinte e uma escolas permanecem sem aulas no Sertão do Pajeú


Segundo o Sintepe, das 44 escolas de 17 municípios da região, 21 aderiram à paralisação.

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 28/04/2015 às 11:31
Leitura:

Os professores do Sertão do Pajeú pernambucano devem respeitar a decisão tomada em assembleia e continuar de braços cruzados. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe), das 44 escolas de 17 municípios da região, 21 aderiram à paralisação. Apenas três cidades mantém as aulas normalizadas: Solidão, Ingazeira e Guaraci.


Mais Lidas