EMPREGO

Cidades do Sertão fecham mais de 800 postos de trabalho nos seis primeiros meses do ano


No todo, 18 cidades passaram pela contagem do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho e Emprego

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 24/07/2015 às 9:08
Leitura:

Um levantamento realizado pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho e Emprego mostrou que de nos primeiros seis meses de 2015 as cidades do Sertão do Estado demitiram mais que contrataram. Ao todo, 848 postos de trabalho foram fechados em 18 cidades.

A pesquisa realizada pelo cadastro organizou as cidades em duas microrregiões: Araripina (que comporta as cidades de Ouricuri, Bodocó, Exú, Granito, Ipubí, Moreilândia, Santa Cruz, Santa Filomena e Trindade), que registrou 656 postos de trabalho a menos; e Salgueiro (que comporta Cedro, Mirandiba, Parnamirim, Salgueiro, São José do Belmonte, Serrita e Verdejante), que registrou um déficit de 192 postos.

A cidade que mais demitiu foi Ouricuri, com 95 postos de trabalhos fechados. O setor que mais empregou foi a construção civil, com o número positivo de 347 novas contratações. Confira matéria completa na voz de Roberto Gonçalves, para a Rádio Ararí FM:


Mais Lidas