COMPESA

Funcionários da Compesa são ameaçados após encontrarem ligações clandestinas


Os funcionários foram ameaçados de morte, após descobrirem um furto de água na Fazenda Palestina

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 21/09/2015 às 10:13
Leitura:

Ameaças e intimidação. É com esses temores que os funcionarios da Companhia Pernambucana de Saneamento, Compesa, estão indo trabalhar em fazendas do Sertão pernambucano, onde tem faltado água nos últimos meses, período no qual a crise hídrica se agravou e os reservatórios atingiram niveis sem precedentes.

Neste fim de semana, funcionários da Compesa procuraram a Polícia Militar e denunciaram que haviam sido ameaçados de morte, após descobrirem um furto de água na Fazenda Palestina, na Zona Rural de Parnamirim, no Sertão Central.

Confira os detalhes no flash de Roberto Gonçalves, da Rádio Arari FM:

O acusado, que não teve a sua identidade revelada, foi levado para a Delegacia de Polícia Civil do local e um inquerito foi instaurado para investigar o caso.


Mais Lidas