INTERDIÇÃO

Delegacia de Caruaru tem 30 dias para mudar de lugar


A denúncia feita pelo Sinpol deixava claro as más condições do local, que apresenta problemas diversos

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 22/09/2015 às 8:57
Leitura:
Foto: Reprodução / TV Jornal

O Tribunal de Justiça de Pernambuco decidiu acatar o pedido do Ministério Público, de interdição da 3ª Delegacia de Polícia de Caruaru, no Agreste. A denúncia feita pelo Sindicato dos Policiais Civis do Estado, Sinpol, deixava claro as más condições do local que apresenta problemas na infiltração, rede elétrica e até coletes e munições vencidos.

Confira os detalhes no flash de Núbia Silva para a Rádio Jornal Caruaru:

Em junho, o Sinpol protocolou um pedido de interdição onde foi firmado um Termo de Ajustamento de Conduta com um prazo de 15 dias. Como o TAC não foi cumprido, o TJPE decidiu acatar ao pedido, e ficou definido que a 3ª Delegacia seja transferida para a Área Integrada de Segurança Pública, localizada no 4º BPM, em um prazo de 30 dias. Ainda há uma multa diária de R$1.000 caso não ocorra a transferência.


Mais Lidas