TRIO DE CANIBAIS

Justiça vai marcar nova audiência de instrução do processo do "Trio de Canibais" de Garanhuns


A primeira audiência durou 12 horas e 17 testemunhas foram ouvidas, além dos três acusados

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 30/10/2015 às 8:30
Leitura:
Foto: JC Imagem

A primeira audiência de instrução do Trio de Canibais, Jorge Negromonte, Isabel Cristina e Bruna Cristina, terminou no início da tarde desta quinta-feira, em Garanhuns.

A audiência durou 12 horas, e 17 testemunhas foram ouvidas, além dos três acusados. Os advogados de defesa apresentaram requerimentos à juíza responsável pelo caso, que define na próxima terça-feira (3), se eles serão aceitos, para então marcar outra audiência.

O advogado de Jorge Negromonte informou que os laudos psiquiátricos são falhos, e vai pedir novos exames. Confira os detalhes do caso no flash de Eduardo Peixoto, da Rádio Jornal Garanhuns:

Já o advogado de Bruna Cristina informou que ela era coagida pelo Jorge Negromonte. Os três réus são acusados de matar, esquartejar e comer os corpos de duas pessoas. Das 26 testemunhas arroladas pelo Ministério Público, apenas 17 foram localizadas. Não houve testemunha de defesa.

Durante a segunda audiência, com data a ser marcada, os advogados dos acusados devem apresentar suas alegações finais, e assim, o processo vai seguir concluso, para que a juíza decida se os acusados serão ou não submetidos a julgamento popular.


Mais Lidas