VOLUME MORTO

Barragem de Jucazinho começa a operar com volume morto


A idéia é que a partir de hoje, algumas das 12 cidades abastecidas pelo manancial voltem a receber água

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 06/11/2015 às 10:04
Leitura:
Foto: Reprodução / TV Jornal

Técnicos da Companhia Pernambucana de Saneamento, Compesa, deram início na tarde desta quinta-feira aos testes no sistema de bombeamento instalado na barragem de Jucazinho, localizada em Surubim, no Agreste do estado.

Pela primeira vez desde que foi construída, há 14 anos, Jucazinho tem o seu volume morto utilizado, que corresponde a 8 milhões de metros cúbicos. A idéia é que a partir de hoje, algumas das 12 cidades abastecidas pelo manancial e que ficaram sem água nas torneiras nos últimos dias devido a obra emergencial, voltem a ser abastecidas, obedecendo ao rigoroso calendário de racionamento. Confira os detalhes no flash de Jaciara Fernandes, da Rádio Jornal Caruaru:

As bombas submersas já estão conseguindo retirar 250 litros por segundo do volume morto da represa, que se encontra com menos de 2,5% de sua capacidade, que é de 327 milhões de metros cúbicos.


Mais Lidas