IRREGULARIDADES

Coordenadora do Bolsa Família em Solidão é investigada por recebimento irregular do benefício


Segundo denúncias, a diretora do Hospital Municipal também estaria na lista do esquema

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 23/11/2015 às 11:19
Leitura:
Foto: Reprodução/Internet

Após a descoberta de irregularidades na distribuição do Programa Bolsa Família, no município de Solidão, no Sertão Pernambucano, mais uma fiscalização denunciou que uma diretora de um hospital e coordenadora do programa no município também estariam recebendo o benefício, que é oferecido pelo Governo Federal a pessoas em situação de vulnerabilidade financeira.

Segundo as denúncias, Adriana Porfírio Véras do Nascimento, diretora do Hospital Municipal, recebeu, apenas este ano, R$ 3.090 do Bolsa Família. As mesmas denúncias também apontam a coordenadora do programa no município, Cida Genu de Siqueira Souza, como uma das atendidas pelo Programa, desde janeiro de 2012, deixando de receber apenas em junho de 2015. Este ano, ela teria recebido um total de R$ 3.014 do benefício. Ouça abaixo a matéria de Anchieta Santos:


Mais Lidas