SECA

Sobradinho não utiliza volume morto, mas municípios do Sertão têm abastecimento comprometido


A barragem de Pão de Açúcar tem apenas 6% da capacidade total de armazenamento

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 23/12/2015 às 9:36
Leitura:
Foto: Divulgação/Chesf

Na pior seca das últimas oito décadas na Bahia, o reservatório de Sobradinho se estabilizou em um volume útil de 1%, isso devido às chuvas dos últimos dias, que impediram a necessidade de utilizar o volume morto, em que não é possível utilizar a água para a captação de energia elétrica.

No último sábado (15), a Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) decidiu reduzir a vazão do reservatório de Sobradinho, devido ao baixo volume de água no lago. Em reunião realizada em Brasília, a Agência Nacional de Águas (ANA) sinalizou que a redução da vazão do Rio São Francisco, de de 900m³/s para 800m³/s, ocorre ao mesmo tempo nos reservatórios de Três Marias (MG) e de Sobradinho (BA). A medida afeta diretamente o abastecimento de municípios do sertão do estado, principalmente Pão de Açúcar e Traipu.

Ouça abaixo, na matéria de Nildo Lucena, a fala do gerente regional da Compesa, afirmando que a barragem de Pão de Açúcar tem apenas 6% da capacidade total.


Mais Lidas