POLÍCIA

Caruaru vive o ano mais violento da história, segundo balanço da Polícia


Até agora, 202 pessoas foram vítimas de homicídio na cidade, contra os 132 de 2014

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 24/12/2015 às 9:11
Leitura:
Foto: Sérgio Bernardo/JC Imóveis

Em entrevista coletiva realizada nesta quarta-feira (23), a Polícia Civil divulgou que, até agora, 202 pessoas foram assassinadas neste ano em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. Este é o maior número de pessoas assassinadas em um ano na história de Caruaru, fazendo com que 2015 seja o ano no mais violento da história no município.

Ainda segundo a Polícia, o número de homicídios cresceu mais de 50% em relação ao registrado em 2014. No ano passado, 132 pessoas foram mortas na cidade. Faltando sete dias para dezembro acabar, já foram assassinadas 11 pessoas.

De acordo com a polícia, 57% dos casos têm ligação com alguma atividade criminal, como tráfico de drogas e disputa por territórios para o tráfico. Outros 23% são crimes de proximidade, que ocorrem, geralmente, após a ingestão de bebidas alcoólicas. A maioria das vítimas é homem, com idades entre 16 e 30 anos, e com passagem pela polícia.

O delegado Francisco Souto Maior fala sobre a preocupação com o crescimento do tráfico de drogas no município. Ouça abaixo, na matéria de Jaciara Fernandes:

A polícia informou ainda que 55% dos inquéritos sobre homicídios foram elucidados e tiveram as motivações descobertas.


Mais Lidas