SERTÃO

Disque Denúncia dobra valor da recompensa para quem tiver informações sobre o caso Beatriz


A garota, de sete anos, foi morta me Petrolina no ano passado e até agora não há informações sobre o autor do crime

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 16/02/2016 às 8:27
Leitura:
Foto: Reprodução/Whatsapp

Dez mil reais é o novo valor para quem ajudar a solucionar o caso do assassinato de Beatriz Angélica Mota, de sete anos, em Petrolina, no Sertão do estado. A princípio, a recompensa era de R$ 5 mil mas, diante da baixa repercussão, o valor foi duplicado.

Beatriz Angélica Mota foi assassinada a facadas, durante uma festa de formatura no colégio Maria Auxiliadora, em dezembro do ano passado. Peritos do Recife estiveram em Petrolina para auxiliar nas investigações, mas a autoria do crime ainda não foi descoberta.

As informações para o Disque Denuncia devem ser feitas para (81) 3719-4545, ao custo de uma ligação interurbana, ou pela internet, no endereço www.disquedenunciape.com.br.


Mais Lidas