FENÔMENO

Depois de tremores em Caruaru, técnicos instalam estações sismográficas em São Caetano


Município foi o epicentro do maior entre os tremores registrados na última semana

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 29/02/2016 às 9:03
Leitura:
Tremores foram sentidos em diversos municípios do Agreste Pernambucano. São Caetano foi epicentro. Foto: Reprodução/Blog Sismos do Nordeste


Técnicos do Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis/UFRN) chegam ao município de São Caetano, no Agreste, nesta segunda (29), para dar continuidade aos estudos sobre os tremores de terra que vêm atingindo a área.

Agora, serão instaladas sete estações sismográficas em São Caetano, que foi o epicentro do maior tremor registrado na última semana. O abalo atingiu 3.8 graus na Escala Richter. Da terça-feira (22) ao último domingo (27), a terra tremeu mais de 500 vezes no Agreste de Pernambuco.

Segundo o técnico em sismologia da UFRN Eduardo Alexandre de Menezes, os equipamentos servirão para fazer um mapeamento mais preciso da área atingida. A UFRN estuda o fenômeno natural na região desde 1991. Confira mais detalhes na reportagem de Jaciara Fernandes:


Mais Lidas