CRISE

Crise hídrica faz barragem em Surubim chegar a 1% do volume total


Capacidade da barragem de Jucazinho é de mais de 300 milhões m³ de água, mas só 1% está cheio

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 19/04/2016 às 10:54
Leitura:
Foto: Reprodução


Mesmo com as intensas chuvas no último final de semana, a barragem de Jucazinho no município de Surubim, no Agreste do Estado, chegou a 1% do volume total de abastecimento, segundo a Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac). Esse é o menor nível atingido pelo reservatório desde junho de 2010, quando começou a ser monitorado pela Apac.

No final de 2015, Jucazinho, que tem capacidade para 327 milhões m³ de água, começou a operar com volume morto, com pouco mais de 2% da capacidade. Na ocasião, bombas flutuantes foram instaladas para ajudar na captação. Mesmo com a crise hídrica, aproximadamente 300 mil pessoas continuam sendo abastecidas pela barragem, de acordo com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

Para tentar amenizar a situação, municípios próximos como Passira, Cumaru, Salgadinho e Casinhas recebem reforço no abastecimento através de carros-pipa contratados pelo Governo Estadual. Saiba mais no flash de Alfredo Neto:


Mais Lidas