CRISE

Repasse do SUS atrasa e preocupa pacientes com câncer em Caruaru

Alguns pacientes em quimioterapia e radioterapia precisaram interromper o tratamento

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 20/05/2016 às 9:14
Leitura:
Foto: Reprodução/Google


Pacientes que estão em tratamento contra o câncer em Caruaru, no Agreste do Estado, estão vivendo dias de desespero. Mais uma vez, o repasse da verba do Sistema Único de Saúde (SUS), enviada através do Governo Federal e Estadual, atrasou em duas unidades que atendem os pacientes em quimioterapia e radioterapia.

Uma dessas instituições é o Centro de Oncologia de Caruaru (CEOC). Sem a verba pública, a unidade está custeando o tratamento com recursos próprios. Em outros casos, pacientes compraram a própria medicação ou precisaram interromper o tratamento por causa da falta dos remédios.

O diretor do CEOC, Dr. Carlos Laércio, explica que a unidade não tem como custear a medicação por muito tempo, já que os remédios custam caro. A situação preocupa familiares e, principalmente, pacientes, que dependem dos medicamentos para vencer a doença.

Em nota, a Secretaria de Saúde do Estado esclarece que fez um repasse ao CEOC nesta semana e outro deve acontecer na semana que vem. A Secretaria esclarece, ainda, que, diante da crise econômica, está trabalhando para sanar os débitos com a instituição. Saiba mais no flash de Núbia Silva:

Mais Lidas