REPASSE

Órgãos públicos fazem acordo e atendimento deve normalizar no CEOC


Centro de Oncologia de Caruaru estava sem receber repasses do SUS desde 2015

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 03/06/2016 às 8:57
Leitura:
Foto: Reprodução


Após reunião no Ministério Público de Pernambuco (MPPE) sobre a situação do Centro de Oncologia de Caruaru (CEOC), no Agreste do Estado, ficou acordado entre representantes da Secretaria Estadual de Saúde, a promotoria e a direção da unidade médica, que até o dia 10 haverá repasse em dinheiro para o Centro. Assim, pacientes com câncer vão continuar sendo atendidos na unidade.

A clínica precisou interromper parte do tratamento de alguns pacientes devido à falta de repasse de verba do Sistema Único de Saúde (SUS) e do Governo do Estado. A unidade é a única do interior que atende pacientes do Agreste e Sertão que lutam contra o câncer.

Já está agendada para o dia 16 de junho uma nova reunião na sede da promotoria com representantes da Secretaria de Saúde e do CEOC para que o MPPE possa fazer o acompanhamento do caso. Ouça o flash de Núbia Silva:


Mais Lidas