BEATRIZ

MPPE convoca coletiva para divulgar novas informações sobre o Caso Beatriz


Encontro na sede do órgão em Petrolina vai tratar, principalmente, da existência de um vídeo que contém imagens que podem identificar o assassino da criança

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 15/06/2016 às 9:50
Leitura:
Foto: Reprodução


O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) marcou uma coletiva de imprensa para às 15h desta quarta-feira (15) na sede do órgão em Petrolina, Sertão de Pernambuco, para tratar de novas informações referentes ao caso da menina Beatriz Angélica Mota. A criança, de apenas 7 anos, foi morta em dezembro do ano passado durante uma festa de formatura no Colégio Maria Auxiliadora.

A nova informação sobre a existência de um vídeo contendo imagens que podem levar à identificação do assassino é o foco da coletiva. O MPPE vai apresentar, também, os detalhes da força-tarefa realizada para investigar e tentar solucionar o caso. Vão estar presentes no encontro o procurador geral de Justiça do Estado, Carlos Guerra de Holanda, e os seis promotores do grupo de trabalho.

Recentemente, os pais de Beatriz, Sandro Romilton e Lúcia Mota, denunciaram falhas de segurança ocorridas no dia do crime. Em vídeo postado nas redes sociais, Lúcia afirma que o colégio não oficializou o evento junto aos órgãos públicos de segurança. Saiba mais no flash de Marco Aurélio:


Mais Lidas