CONFUSÃO

Seis agentes socioeducativos ficam feridos durante motim na Funase

A rebelião aconteceu em Caruaru. De acordo com a Funase, não houveram fugas

Maria Luísa Ferro
Maria Luísa Ferro
Publicado em 30/08/2016 às 9:55
Leitura:
Foto: Reprodução/TV Jornal

Um motim na tarde desta segunda (29) na Funase de Caruaru deixou seis agentes socioeducativos feridos. O motivo da rebelião foi um desentendimento entre internos e agentes após um pacote com maconha ter sido jogado para dentro da unidade. Quando os agentes apreenderam o material, os internos se rebelaram.

Foram mobilizadas equipes da Rocam, GATI, Patrulha do Bairro e Corpo de Bombeiros, entre outros. Dos seis agentes, quatro foram encaminhados para a UPA, junto com cinco internos feridos na confusão. Segundo a Funase, o motim foi rapidamente controlado na tarde da segunda-feira (29) e não houveram fugas.

Saiba mais no flash de Berg Santos:

Um dos internos que estava na UPA roubou uma tesoura da enfermeira e tentou fugir. Ele foi capturado pela Polícia Militar, próximo ao Anel Viário de Caruaru, ainda na noite da segunda (29).

Mais Lidas