Retaliação

Secretário sugere que Mendonça Filho influenciou cassação de prefeito

Vladimir Cintar, secretário geral da prefeitura de Belo Jardim, afirma que o ex-prefeito João Mendonça não teve sossego após romper com Mendonça Filho

Belo Jardim
Belo Jardim
Publicado em 12/05/2017 às 9:46
Leitura:

Imagem

Após o TSE cassar a liminar que mantinha o prefeito João Mendonça no cargo em Belo Jardim, tornando o político inelegível pelos próximos oito anos, o Secretário de Governo da cidade, Vladimir Cintra, afirmou que a saída do ex-mandatário do município pode ter dedo do Ministério da Educação, em uma espécie de retaliação política do ministro Mendonça Filho.

Confira a reportagem de Berg Santos

Relator explica crimes

Segundo Luís Fuchs, relator do caso, contou que a saída de João Mendonça aconteceu por práticas dolosas, como superfaturamento de obras públicas e pagamentos acima do patamar legal ao vice-prefeito, causando um enriquecimento ilícito ao ex-prefeito.

Rompimento

Nascido em Recife, Mendonça Filho, atual Ministro da Educação, iniciou sua carreira política em Belo Jardim, onde sua família tem raízes políticas. João Mendonça teve relações cortadas com o seu primo após Mendonça Filho alegar falta de fidelidade política do ex-prefeito de Belo Jardim.

Mais Lidas