TRAGÉDIA

Vítimas de assalto a carro-forte em São Bento do Una serão sepultados

Um carro-forte foi metralhado na terça-feira (15) e o vigilante e um agricultor que estava na porta de casa foram baleados; vítimas não resistiram

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 18/08/2017 às 15:11
Leitura:

Imagem

Os corpos do vigilante Roberto Ferreira de Lira, de 31 anos e do agricultor Ivo Paz de Lima, de 65 anos, vítimas do assalto a um carro forte na última terça-feira (15), em São Bento do Una, no Agreste do Estado, vão ser enterrados na manhã deste sábado (19). O vigilante, que vai ser sepultado no Cemitério de Garanhuns, dirigia o veículo quando foi surpreendido pelos criminosos que o balearam em uma das pernas.

Ele estava internado no Hospital da Restauração, no Recife, desde o dia do crime, passou por cirurgia, mas não resistiu. O amigo de Roberto Ferreira, Alexandre da Silva, fala do prestígio que o vigilante tinha em Garanhuns.

Suspeito morre após assalto a carro-forte em Santa Cruz da Baixa Verde

O agricultor Ivo Paz de Lima será enterrado no Cemitério de São Bento do Una. Ele estava na porta da casa onde mora quando foi atingido na cabeça por um tiro de arma de fogo. Segundo o filho da vítima, Ivaldo Siqueira de Lima, foram mais de 100 disparos no momento do assalto. Ele relata como tudo aconteceu e apela ao Governo do Estado por segurança.

Confira os detalhes na reportagem de Kimberly Neri:

Cerca de dez homens estavam fortemente armados em dois veículos e em cinco motocicletas quando atacaram um carro-forte da empresa de Segurança Preserve, que seguia de São Bento do Una para Lajedo. Eles interceptam o veículo, explodiram o cofre e fugiram com o dinheiro.

Mais Lidas