Zona da Mata

Em culto evangélico, jovem se converte e confessa assassinatos em Carpina


Jovem estava sob efeito de drogas e confessou aos fiéis que pretendia matar a esposa. Um membro da igreja acionou a polícia, que realizou a prisã

Rádio Jornal
Rádio Jornal
Publicado em 03/11/2017 às 8:48
Leitura:

Imagem

Um jovem de 18 anos se dirigiu até a frente de um templo da igreja evangélica Assembleia de Deus em Carpina, na Zona da Mata Norte de Pernambuco, e confessou a fiéis que estavam no culto que estava armado e pretendia matar a esposa dele. Alegando querer se converter, o jovem que estava sob o efeito de drogas disse que teria se arrependido de tentar cometer o crime.

Ednaldo Manoel da Silva Filho estava portando um revólver calibre 12, de cano serrado e fabricação caseira. Um dos membros da igreja acionou a polícia, que realizou a prisão do jovem.

Ele foi conduzido para a delegacia de plantão na cidade de Nazaré da Mata e está à disposição da Polícia para a realização da audiência de custódia.

O homem é suspeito de ter participado de duas tentativas de homicídios, além de outros quatro homicídios consumados.

Confira os detalhes com Ramos Silva:


Mais Lidas