Compesa termina obra, mas trânsito ainda não foi normalizado


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 06/01/2012 às 9:24
Leitura:
Do Redator de Plantão A normalização do trânsito na antiga BR-101 Sul, em Pontezinha, no Cabo de Santo Agostinho, onde a Compesa realizou obras para o conserto de uma tubulação estourada, deve acontecer em até 10 dias, de acordo com previsões do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, Dnit. O estouro da tubulação na quarta-feira (04) gerou uma cratera com 10m de comprimento e 6m de largura. Técnicos da Compesa substituiram a tubulação de 750 ml do Sistema Gurjaú. O abastecimento de água em 8 localidades em Jaboatão dos Guararapes e Cabo de Santo Agostinho foi retomado nesta madrugada. O Dinit inicia na manhã desta sexta (06) a pavimentação emergencial no km 89. Por enquanto, os motoristas têm que circular pelo trecho novo da rodovia federal nas imediações de uma fábrica de aguardente. Além dos transtornos no trânsito, os moradores contabilizam os prejuízos causados pela água que invadiu as casas. É o caso do dono de uma lanchonete, o comerciante Adenildo Alves de Oliveira, que espera que a Compesa pague a conta do transtorno, como você escuta abaixo.

Mais Lidas