Corpos de dois internos mortos na Funase são identificados no IML


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 11/01/2012 às 14:37
Leitura:
Atualizado às 15h33 O primeiro corpo de um dos internos assassinados na Fundação de Atendimento Sócio Educativo (Funase), localizada no Cabo de Santo Agostinho, Região Metropolitana do Recife, foi identificado no final da manhã desta quarta-feira (11) no Instituto de Medicina Legal (IML) do Recife. José Mario de Oliveuira Filho, de 18 anos, foi identificado através das impressões digitais e a causa da morte foram queimaduras de segundo e terceiro graus. O segundo corpo indetificado oficialmente pelo IML foi o de Pedro Henrique Oliveira Lima, de 18 anos, que teve a cabeça decaptada. A causa da morte atestada foi traumatismo crânio encefálico. O corpo de Alan Fraga de Oliveira, de 21 anos, ainda passa por necropcias no instituto. Foram coletadas amostras de sangue dos parentes das vítimas para ser feito o exame de DNA. Acompanhe os detalhes da identificação na reportagem de Karoline Fernandes.

Mais Lidas