Funcionários do Expresso Cidadão movem ação contra Governo do Estado


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 01/02/2012 às 9:10
Leitura:
Da Rádio Jornal Funcionários que trabalham no atendimento dos postos do Expresso Cidadão, entraram com uma ação junto ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE), contra a Secretaria de Adminsitração, do Governo do Estado de Pernambuco. O motivo é a falta de vale transporte e de reajuste salarial. A polêmica envolve os funcionários há algum tempo, mas uma organização decidiu colocar o governo na Justiça. Com um salário base de R$ 570, os trabalhadores reclamam que precisam do vale transporte. A Secretaria de Adminsitração, por sua vez, alega que os funcionários já sabiam que não teriam esses direitos na hora da contratação. Entenda o caso na reportagem de Elton Ponce.

Mais Lidas