Justiça condena 6 dos 7 participantes da chacina de Campo Grande


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 03/02/2012 às 12:52
Leitura:
Do Redator de Plantao, da Rádio Jornal O crime foi praticado em novembro de 2006 na época teve grande reprecussão na imprensa. Um grupo invadiu o imóvel e assassinou a tiros Alexsandra, de 24 anos, Rosângela, de 20, Roseane Maria da Silva, de 19 anos e uma irmã do adolescente de 15 anos, além de Vianey Guilhermino Santos, o "Viola", de 22 anos. O filho de Alexsandra, de apenas 1 ano, saiu ferido, mas sobreviveu a investida criminosa na comunidade de João de Barros. De acordo com os autos, duas pessoas que estavam no imóvel na hora da execução escparam ilesas. Uma das irmãs e o namorado dela deviam uma grande quantidade de dinheiro referente a compra de drogas. O julgamento durou 10 horas, mas umd os reús, Thiago Pereira da Silva, teve o processo adiado já que a defesa se retirou da sessão. Uma nova data deve ser agendada pelo juiz Ernesto Bezerra, da Primeira Vara do Tribunal do Júri no Fórum Joana Bezerra. Os condenados são: Ezequiel José de Oliveira, o traficante Tuel, 86 anos e 6 meses de prisão em regime fechado. Nilton Alves Santana Filho e Ubiratan Nascimento da Rocha, 84 anos e 6 meses de prisão em regime fechado. Por formação de quadrilha, Luiz Fernando da Silva Souza vai passar 3 anos e 6 meses em regime semi-aberto. Os advogados de defesa da amioria dos reús irão recorrer da sentença divulgada na noite desta quinta-feira. Antes de tomar conhecimento da decisão, o promotor André Rabelo afirmava que as provas eram consistentes. O oitavo homem a participar da chacina de Campo Grande, Rafael Carlos Rodrigues dos Santos, foi assassinado a tiros em Olinda em 2009.

Mais Lidas