Desocupação do Edifício Olinda é concluída nesta quarta-feira


Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 15/02/2012 às 8:53
Leitura:
Do Redator de Plantão da Rádio Jornal Atualizado às 12h02 A Defesa Civil quer concluir nesta quarta-feira (15) a desocupação do Edifício Olinda, que fica na Avenida Mário Melo, em Santo Amaro, e apresenta risco quatro de desabamento. A terça-feira (14) foi de mudança para várias famílias do Edifício Olinda, que tem 17 andares e  85 apartamentos. A Codecir está disponibilizando veículos para o transporte de móveis, objetos e documentos dos moradores. Assistentes sociais e psicólogos trabalham o lado emocional das pessoas que de uma hora para outra têm que abandonar a moradia. Construído há cerca de 40 anos, o prédio passou pela primeira vistoria técnica no último sábado. Na segunda inspeção, da última segunda-feira (13) ficou constatado o desgaste e a falta de prevenção das vigas e pilares. Além de problemas nas lajes dos 15º, 16º e 17º andares do edifício na Avenida Mário Melo. Irene Maria Alves, moradora de um apartamento do 5º andar afirma que o clima é de apreensão: No entendimento dos engenheiros da Codecir o Edifício Olinda apresenta o risco quatro de desabamento, ou seja, o mais alto. Os moradores tinham conhecimento das ferragens expostas no 17º pavimento e das várias infiltrações. O impasse agora fica por conta de quem vai bancar a obra de recuperação da parte física do imóvel. Paulo Albuquerque é dono de uma das lojas que ficam no térreo do prédio que deve ser evacuado por completo nesta quarta-feira (15). O repórter Fabio Mendes esteve no edifício na manhã desta quarta-feira e trouxe os detalhes de como está a situação dos moradores:

Mais Lidas